"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

“Um ramo sairá do tronco de Jessé, um rebento brotará de suas raízes”

Citando passagem do profeta Isaías, bispo presta solidariedade às famílias e aos sobreviventes da tragédia com a Chapecoense

O bispo da diocese de Chapecó (SC), dom Odelir José Magri divulgou mensagem de consolo aos familiares das vítimas e aos sobreviventes da tragédia envolvendo o avião que transportava a delegação da Associação Chapecoense de Futebol e profissionais de imprensa rumo à Medellín, na Colômbia, na terça-feira, 29 de novembro. No texto, dom Odelir Magri, diz que desde que a notícia do acidente chegou a Chapecó, a cidade passou a experimentar, sentir, viver a força da solidariedade, da comunhão e da oração. Segundo o bispo, o gesto dos irmãos colombianos, representa os mais diversos gestos de compaixão e solidariedade de todos os povos, raças e credos. No velório, sábado, 3, dom Odelir leu mensagem do Papa Francisco em homenagem às vítimas da tragédia.

Também o regional Sul 4 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), no estado de Santa Catarina, emitiu Nota de Solidariedade. A declaração afirma que “a Igreja Católica em Santa Catarina e o Regional Sul 4 da CNBB, na hora de tanto sofrimento, lamenta o que ocorreu e manifesta solidariedade, em especial para com os familiares e amigos mais próximos das vítimas: dirigentes, atletas, os profissionais da comunicação, convidados e tripulantes”.
Leia a carta de dom Odelir na íntegra:
“Um ramo sairá do tronco de Jessé, um rebento brotará de suas raízes” (Is, 11,1)
Irmãos e irmãs
Povo de Deus da Diocese de Chapecó
Familiares das vítimas e dos sobreviventes.
Desde que chegou até nós a notícia deste dramático acidente envolvendo os jogadores da Chape, equipe técnica, Diretoria, profissionais dos meios de comunicação (jornal, TV, rádio); especialmente em Chapecó, temos experimentado e vivido dois tipos de sentimentos. Primeiro, lembrar que no dia 28 de novembro entramos na noite em um clima de alegria, de festa e de muita expectativa com a final da Copa Sul Americana que se aproximava. Já estava entalado na nossa garganta o desejo de poder começar a gritar: É CAMPEÃO.  
No dia 29, porém, acordamos ou fomos acordados com a derradeira informação de que o avião que transportava a Chape havia caído na Colômbia. E aos poucos com a confirmação da verdade e as proporções dramáticas do acontecido, um sentimento de tristeza, de perda, de dor e do luto invadiu nossas almas, nossos corações, nossos lares, nossa cidade, nossa torcida, enfim, a família chape.
Foi difícil acreditar. Mas, infelizmente era a mais pura verdade! Confirmados 71 mortos e 6 sobreviventes do trágico acidente com o avião da companhia LaMia.
De repente. Tudo mudou. E algumas perguntas não querem calar. Mas como? Por quê? Para quê? Meu Deus...
E daquele momento em diante passamos a experimentar, sentir, viver a força da solidariedade, da comunhão e da oração. Nesse sentido como não se lembrar do gesto de nossos irmãos Colombianos, representando os mais diversos gestos de compaixão e solidariedade de todos os povos, raças e credos.
E um texto da Palavra de Deus (Is 11,1) das leituras do dia do acidente, (terça feira dia 28 de novembro, 1ª semana de advento), ficou especialmente para nós de Chapecó, como uma luz, uma resposta de sentido na fé e um sinal de esperança. “Um ramo sairá do tronco de Jessé, um rebento brotará de suas raízes” (Is, 11,1)
A CHAPE representa essa árvore que cresceu, criou raízes, ficou grande, bela e estava no auge de sua colheita. À sua sombra de abrigava e celebrava a Família Chape. Naquela noite essa árvore foi atingida, foi decepada, foi machucada. Mas a árvore não morreu. Do seu tronco nascerá um broto (um rebento) que crescerá, dará muitos frutos e um deles será NOVAS ALEGRIAS. Esta é nossa esperança. EU ACREDITO! 
Eu acredito porque o clube Chape representa hoje no Brasil uma experiência humilde e vitoriosa. É uma Equipe ou uma experiência de sucesso alicerçada numa organização e gestão séria de recursos humanos e financeiros. Representa a certeza de que em nosso país ainda existem pessoas e cidadãos do bem, que sonham e lutam por objetivos comuns. A Chape representa a possibilidade do esporte trazer alegrias a um povo sem depender do investimento de bilhões.
Nesse momento histórico que vive o nosso país, tão desacreditado e marcado por exemplos de corporativismo para o mal, com a aprovação de leis que legalizam a morte de inocentes, de corrupção vergonhosa, de falta de ética em todos os níveis e classes, especialmente entre muitos agentes políticos. Eis um pequeno e humilde exemplo a ser seguido, sem achar que tudo está perfeito.
Aos sucessores desse time de guerreiros e campeões, fica a honra, o dever moral e o compromisso de substituí-los à altura, lutando sempre juntos, até a morte se preciso for, pela VITÓRIA da Vida, do Bem comum, da competência e da honestidade.  
Então será possível gritar novamente: É CAMPEÃO também ao nosso Brasil!
Portanto, juntos, hoje como família de Deus, como família Chape, sem distinção de credo, de raça ou de nacionalidade... vamos fortalecer nossa corrente de solidariedade e a fé na VIDA.
"Vamos Chape, Chape, Chape..."
Força Família Chape! 
Dom Odelir José Magri
Bispo diocesano de Chapecó, SC
Com informações da diocese de Chapecó (SC)

http://www.cnbb.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=19915:um-ramo-saira-do-tronco-de-jesse-um-rebento-brotara-de-suas-raizes-is-11-1&catid=114:noticias&Itemid=106

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.