"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Evangelho do dia – Pão da vida! – Bem-Aventurado Inácio de Azevedo e Comps. Mateus 10,34–11,1

Segunda-feira, 17 de julho de 2017 – Bem-Aventurado Inácio de Azevedo e Comps.
Mateus 10,34–11,1
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Ma­teus.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 10,34 “Não penseis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer a paz, mas sim a espada35 De fato, vim separar o filho de seu pai, a filha de sua mãe, a nora de sua sogra.36 E os inimigos do homem serão os seus próprios familiares. 37 Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim, não é digno de mim. Quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim, não é digno de mim. 38 Quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim.39 Quem procura conservar a sua vida vai perdê-laE quem perde a sua vida por causa de mim vai encontrá-la. 40 Quem vos recebe a mim recebe; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou. 41 Quem recebe um profeta, por ser profeta, receberá a recompensa de profeta. E quem recebe um justo, por ser justo, receberá a recompensa de justo. 42 Quem der, ainda que seja apenas um copo de água fresca, a um desses pequeninos, por ser meu discípulo, em verdade vos digo: não perderá a sua recompensa”. 11,Quando Jesus acabou de dar essas instruções aos doze discípulos, partiu daí, a fim de ensinar e pregar nas cidades deles. - Palavra da Salvação. - Glória a vós, Senhor.
 
Reflexão
Jesus quer nos provocar para sermos cristãos com mais atitudes e com menos palavras. Trata-se de um texto, a princípio, um pouco complicado para entender.Jesus sempre foi e sempre será o Príncipe da Paz e denomina de Bem-Aventurados, os pacificadores. E, todos sabemos, que a paz de Deus é algo insubstituível. Ela toca profundamente o nosso coração e é somente ela que nos dá o alento e a serenidade interior. Jesus é uma questão de opção. O aceitamos, ou, não! Nada mais do que isso. Como bem sabemos, muitos O aceitaram e, outros, radicalmente, não. Até hoje é assim. Milhares continuam sendo mortos por seguirem a Jesus. A coerência no seguimento tem seu preço.
Há um detalhe muito importante neste texto: Jesus não está dizendo que trouxe a guerra. Ele nos trouxe a espada. Todavia, a espada que Jesus está falando, não é um instrumento de luta comumente usado nas guerras. A espada de Jesus é a força do Espírito Santo, que nos dá o fogo interior para nos motivar ainda mais a segui-Lo com toda a força do nosso coração e da nossa alma. Depois destas afirmações fortes de Jesus, concluímos que, como cristãos coerentes, não podemos ficar em cima do muro. O preço do seguimento de Jesus pode ser o correr o risco de sermos, inclusive, mal entendidos, rejeitados, perseguidos, mortos. Ou somos d’Ele, ou, não somos!
 
Oração
Senhor Jesus, Príncipe da paz, ajuda-me a serenar meu coração no Teu coração misericordioso. Ajuda-me a ser pessoa de paz, mas, não daquela paz que é puro comodismo e inércia, por medo de correr o risco de seguir-Te com radicalidade. Que eu seja totalmente consciente de ser Teu(a) seguidor(a), pela ação do Espírito Santo que age em mim. A morte de tantos cristãos, meus irmãos(ãs), mortos pela fidelidade a Ti, seja motivo para superar a indiferença e a insensibilidade. Concede-me a graça de “perder” a vida por Ti. Que a espada, fogo do Teu Espírito Santo, me ajude a aceitar o desafio de transformar o mundo em que vivo. Seduze-me, Jesus, para que eu Te tenha como o único absoluto de minha vida. Amém.
 
Bênção
- Deus te abençoe e te guarde. Amém.
- Ele te mostre a sua face e se compadeça de ti. Amém.
- Volte para ti o seu olhar e te dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-te Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
---------------------------------------------------
Desejo-te uma semana maravilhosa e cheia da espada do Espírito Santo.
Aceita meu abraço forte.
Padre Renato dos Santos – SDB


Padre Renato dos Santos - SDB
Comunità Salesiana
Via della Tipografia, 1
00120 - Città del Vaticano
-------------------------------------
Telefone Fixo: 00 (xx) 39 06.6989.9248
-------------------------------------
Lema Sacerdotal: "Ai de mim se não evangelizar". 1Cor. 9,16

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.