"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Evangelho do dia – Pão da vida! – 18ª Semana do Tempo litúrgico comum. Mateus 15,21-28

Quarta-feira, 3 de agosto de 2016 – 18ª Semana do Tempo litúrgico comum.
Mateus 15,21-28
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, 21 Jesus retirou-se para a região de Tiro e Sidônia. 22 Eis que uma mulher cananeia, vindo daquela região, pôs-se a gritar: “Senhor, filho de Davi, tem piedade de mim: minha filha está cruelmente atormentada por um demônio!” 23 Mas, Jesus não lhe respondeu palavra alguma. Então seus discípulos aproximaram-se e lhe pediram: “Manda embora essa mulher, pois ela vem gritando atrás de nós”. 24Jesus respondeu: “Eu fui enviado somente às ovelhas perdidas da casa de Israel”. 25 Mas, a mulher, aproximando-se, prostrou-se diante de Jesus, e começou a implorar: “Senhor, socorre-me!” 26 Jesus lhe disse: “Não fica bem tirar o pão dos filhos para jogá-lo aos cachorrinhos”. 27 A mulher insistiu: “É verdade, Senhor; mas os cachorrinhos também comem as migalhas que caem da mesa de seus donos!” 28 Diante disso, Jesus lhe disse: “Mulher, grande é a tua fé! Seja feito como tu queres!” E desde aquele momento sua filha ficou curada.  - Palavra da Salvação.  - Glória a vós, Senhor.
 
Reflexão
Jesus está fora de sua terra. Ele precisava passar uma lição importante para seus discípulos: a lição da boa acolhida aos estrangeirosAliás, a prática de acolher os estrangeiros que aceitavam o único Deus, como era o caso de Israel, estava totalmente deixada de lado. Jesus vai recuperar esta atitude fundamental com este episódio de conceder a bênção que a mulher buscava para sua filha. E Jesus estabelece um diálogo com uma mulher, que não era bem aceita nem pelos discípulos. A discriminação social era muito acentuada e evidente.  A mulher, por sua vez, deu um grande testemunho de humildade. Era alguém que realmente acreditava e confiava em Jesus. Portanto, eles não tinham motivo algum para afugentá-la da presença de Jesus. Esta mulher era "Cananéia", "grega, de origem siro-fenícia". Para a cultura judaica era uma vergonha que alguém desse tipo seguisse a Jesus. Isso envergonhou também os discípulos que já estavam vacinados com a cultura equivocada de uma sociedade hipócrita. Mas Jesus sabia o que se passava no interior desta mulher estrangeira. Ele sabia que era uma mulher de fé concreta e radical. Ela, mais do que todos, sabia muito bem do que Jesus era capaz. E vai à luta. Ela não se intimidou com os dados culturais que eram contrários ao seu querer. E, Jesus, para dizer simbolicamente que não aceitava aquela cultura discriminadora, sai de sua terra. Ainda que argumentasse com a mulher na lógica judaica, justamente para dizer que não poderia mais se sustentar tal modo de ser, faz aquilo que os judeus não mais faziam: reconhece a fé adulta desta mulher Cananéia. O objetivo maior de Jesus era fazer com que os discípulos superassem os preconceitos pré-formulados culturalmente. A mulher estrangeira, que já tinha feito a opção por Jesus em seu coração, não podia sair sem receber a graça, sem receber a bênção... Lutou até o fim. Foi humilde, soube argumentar sem agredir. Ou seja, deu um banho de civilidade até nos discípulos, quanto mais na cultura discriminatória de então... E Jesus deu o veredicto: “Mulher, grande é a tua fé! Seja feito como tu queres!”E a bênção acontece:E desde aquele momento sua filha ficou curada.
 
Oração
Senhor Jesus, fonte de toda graça e de toda bênção, cura-me de todos os males concedendo-me a bênção de uma vida nova, vivida no Teu infinito e misericordioso amor. Senhor Jesus, filho de Deus, tem piedade de mim. Liberta-me das ciladas do demônio que continua rodeando como um leão, procurando a quem devorar. Senhor Jesus, socorre-me! Escuta meus gritos de desespero, de angústia, de dor e de sofrimento. Restaura-me com Teu amor misericordioso! Concede-me a graça de transformar meu coração de pedra em coração de carne, para ser mais conforme ao Teu coração. Elimina da minha vida todas as atitudes de exclusivismo e acepção que me impedem de acolher educadamente a todas as pessoas. Não permitas, Jesus, que eu seja ovelha perdida e afastada do Teu rebanho. Que a coerência do meu testemunho de discípulo(a) missionário(a)  atraia para Ti as ovelhas desgarradas do Teu rebanho. Ajuda-me a crescer numa fé firme e radical para ser merecedor(a)  de Teu inigualável reconhecimento: “Filha, filho, grande é a tua fé! Seja feito como tu queres!” Amém.
 
Bênção
- Deus te abençoe e te guarde. Amém.
- Ele te mostre a sua face e se compadeça de ti. Amém.
- Volte para ti o seu olhar e te dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-te Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
-------------------------------------------------
Desejo-te um dia de muita cura e restauração interior.
Aceita meu abraço forte.
Padre Renato dos Santos – SDB - No Ano da Misericórdia!


Padre Renato dos Santos - SDB
Comunità Salesiana
00120 - Città del Vatican

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.