"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Evangelho do dia – Pão da vida! – Rezemos pelas vocações... Mateus 14,22-36

Terça-feira, 2 de agosto de 2016 – Rezemos pelas vocações...
Mateus 14,22-36
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor.
Depois que a multidão comera até saciar-se, 22 Jesus mandou que os discípulos entrassem na barca e seguissem, à sua frente, para o outro lado do mar, enquanto ele despediria as multidões. 23 Depois de despedi-las, Jesus subiu ao monte, para orar a sós. A noite chegou, e Jesus continuava ali, sozinho. 24 A barca, porém, já longe da terra, era agitada pelas ondas, pois o vento era contrário. 25 Pelas três horas da manhã, Jesus veio até os discípulos, andando sobre o mar. 26 Quando os discípulos o avistaram, andando sobre o mar, ficaram apavorados, e disseram: “É um fantasma”. E gritaram de medo. 27 Jesus, porém, logo lhes disse: “Coragem! Sou eu. Não tenhais medo!” 28 Então Pedro lhe disse: “Senhor, se és tu, manda-me ir a teu encontro, caminhando sobre a água”. 29 E Jesus respondeu: “Vem!” Pedro desceu da barca e começou a andar sobre a água, em direção a Jesus. 30 Mas, quando sentiu o vento, ficou com medo e, começando a afundar, gritou: “Senhor, salva-me!” 31 Jesus logo estendeu a mão, segurou Pedro, e lhe disse:“Homem fraco na fé, por que duvidaste?” 32 Assim que subiram na barca, o vento se acalmou. 33 Os que estavam na barca, prostraram-se diante dele, dizendo: “Verdadeiramente, tu és o Filho de Deus!” 34 Após a travessia desembarcaram em Genesaré. 35 Os habitantes daquele lugar reconheceram Jesus e espalharam a notícia por toda a região. Então levaram a ele todos os doentes; 36 e pediam que pudessem, ao menos, tocar a barra de sua veste. E todos os que tocaram, ficaram curados. - Palavra da Salvação. - Glória a vós, Senhor.
 
Reflexão
A barca, porém, já longe da terra, era agitada pelas ondas, pois o vento era contrário. Quero crer que nesta afirmação está a nossa vida pessoal. São tantos os momentos difíceis pelos quais passamos. Verdadeiros terremotos em nossa existência ordinária. Alguns, provocados por nós mesmos. Outros, inesperadamente acontecem. Muitos são os ventos contrários. O Diabo é campeão em soprar ventos contrários. Seu único interesse é nos devorar, como um leão. E afundamo-nos no pecado, como se nada fosse nada. Tudo parece ser natural para quem já está ofuscado pelo veneno do pecado. Até a terra firme parece virar lamaçal quando perdemos o discernimento interior. Feliz de quem, não obstante o pecado, consegue reencontrar a graça. É exatamente neste momento de ventos contrários que sentimos uma necessidade imensa de buscar a fonte da vida e do amor. Não existe outra fonte de vida e de amor mais excelente do que Cristo vivo, ressuscitado, que se transforma para nós em porto seguro. E Jesus está sempre pronto a nos estender a mão para nos livrar dos momentos difíceis. Jamais Ele vai querer que sejamos tragados pelo mar agitado da vida. Portanto, entreguemos confiantemente a Ele o nosso leme... e chegaremos ao porto seguro.Basta que tenhamos um pouco de humildade e prostremo-nos diante dele, confessando:“Verdadeiramente, tu és o Filho de Deus!”
 
Oração
Senhor Jesus, fonte de toda serenidade e mansidão, serena meu coração atribulado por tantos ventos contrários. Não deixes, Jesus, que eu afunde nas águas revoltas da vida. Sobretudo, permite-me sentir Tua presença amorosa nos momentos de medo, de pavor, de sofrimento, de contrariedades. Continua, Jesus, a estender Tua mão protetora. É nela que quero me segurar nas horas das fortes tempestades da vida. Que a Tua doce afirmação: “Não tenhais medo”, me ajude a crescer numa fé autêntica e confiante. Nos momentos difíceis da vida, quando parecer que não tenho mais forças interiores para vencer, dá-me a graça de gritar bem forte: “Senhor, salva-me!” E ajoelhado diante do Teu amor e da Tua misericórdia eu possa dizer com a Tua Igreja: “Verdadeiramente, tu és o Filho de Deus!” Creio, Jesus, no Teu imenso poder. Amém.
 
Bênção
- Deus te abençoe e te guarde. Amém.
- Ele te mostre a sua face e se compadeça de ti. Amém.
- Volte para ti o seu olhar e te dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-te Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
---------------------------------------------------
Desejo-te um dia de muito reconhecimento da presença de Deus em tua vida pessoal e familiar.
Aceita meu abraço forte.
Padre Renato dos Santos – SDB - No Ano da Misericórdia!


Padre Renato dos Santos - SDB
Comunità Salesiana
00120 - Città del Vaticano

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.