"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Comissão de Diálogo Católico-Luterana realiza Seminário

Termina nesta quinta-feira, 20, a reunião da Comissão de Diálogo Bilateral Católico-Luterana. O evento, que iniciou no último dia 18, ocorre no Centro de Espiritualidade Cristo Rei, em São Leopoldo (RS), e reúne cerca de 50 participantes para estudo do Documento "Do Conflito à Comunhão", que oferece a católicos e luteranos um enfoque conjunto para a comemoração dos 500 anos da Reforma, que serão celebrados em 2017.
O diálogo bilateral entre as duas Igrejas teve início na década de 1990 e o ponto de partida foi o consenso sobre a justificação e graça, assinado em 1999.
Segundo o bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda (RJ) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumênico e Diálogo Inter-religioso da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Francisco Biasin, o  Seminário Ecumênico de Diálogo é realizado em São Leopoldo porque na cidade há instituições de diálogo há muito tempo. "No Rio Grande do Sul, historicamente, existe um diálogo fecundo entre as duas Igrejas”, explica. 
Dom Biasin também salientou que o evento é vivenciado de forma muito fraterna, pois além da aproximação de teses, é uma aproximação de pessoas na fraternidade. “Eu não amo o meu irmão porque pensa como eu, o amo porque é meu irmão. Portanto, a aproximação é realizada a partir da vivência do batismo e do Evangelho. Temos muito em comum e muitos embates do passado estavam mais no nível de papel, cultura e contexto histórico. Após 500 anos, hoje, esses contextos não influenciam mais e podemos dialogar abertamente. Usamos palavras diferentes, mas que expressam a mesma realidade. Progredindo no diálogo vamos nos compreender melhor e quem sabe um dia vir a celebrar a eucaristia juntos e celebrar o que temos em comum a partir do batismo e pertencemos ao mesmo corpo de Cristo”, reforçou.
Segundo a pastora Wanda Deifelt, a Comissão Bilateral de Católicos e Luteranos teve duas incumbências. A primeira foi falar sobre o batismo e a segunda elaborar um texto alusivo a 2017, pela ocasião dos 500 anos da fixação das 95 teses de Martinho Lutero, na Igreja de Wittemberg, na Alemanha. “Nós gostaríamos de usar essa oportunidade para uma celebração e ao mesmo tempo fazer um reconhecimento de que nem tudo na reforma foi positiva”, frisou.
A programação do seminário contou ainda com um painel de memória da caminhada ecumênica; apresentação do Concílio Ecumênico Vaticano II; exposição do estudo do documento Do Conflito à Comunhão e debates.
Com informações e foto do regional Sul 3
http://www.cnbb.org.br/comissoes-episcopais-1/ecumenismo-2/17171-bispos-e-pastores-luteranos-se-reuniram-em-seminario-ecumenico

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.