"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

terça-feira, 4 de julho de 2017

Cardeal Sergio da Rocha será agraciado com “Medalha do Mérito Bom Samaritano”

Cardeal Sergio da Rocha será agraciado com “Medalha do Mérito Bom Samaritano”
Cardeal Sergio da Rocha será agraciado com “Medalha do Mérito Bom Samaritano”
Pela primeira vez, após se tornar cardeal, o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e arcebispo de Brasília, dom Sergio da Rocha, será acolhido pela arquidiocese de Teresina, local onde já atuou como arcebispo em 2008. O cardeal é esperado na capital do Piauí, entre os dias 04 e 06 de julho, para ser condecorado com a Medalha do Mérito Bom Samaritano.

Uma equipe, composta pelos padres Leonildo Campelo e Luiz Eduardo, além do vigário geral da arquidiocese, Tony Batista, organiza a acolhida. A programação é extensa, no dia 04 por exemplo, quem irá recepcionar o cardeal é o arcebispo de Teresina, dom Jacinto Brito, na companhia de membros da arquidiocese.
No dia seguinte, o cardeal irá se reunir com o clero da arquidiocese. O encontro será seguido de um almoço, no Salão Paroquial de Fátima, como explica o vigário Tony Batista. Para marcar o reconhecimento ao cardeal, durante uma missa solene haverá, ainda, a entrega da Medalha do Mérito Bom Samaritano, a partir das 19h, na Catedral Nossa Senhora das Dores.
Segundo o vigário, a entrega da medalha é feita àqueles que de alguma forma colocam “a sua vida a serviço da vida dos outros”. A denominação para a escolha do título partiu dele. Já de acordo com o padre Luiz Eduardo, a ocasião é uma oportunidade para reconhecer o espírito missionário do homem de Deus, que é dom Sergio.
“Durante o período em que esteve conosco cultivou os fiéis criando laços afetivos, sinceros e duradouros. O nosso clero o considera pela convivência fraterna e pastoral que foi estabelecida. Ratifico que é muito importante receber um cardeal da Santa Igreja Romana, pois este constitui um Colégio Especial que assiste ao papa colegialmente e pessoalmente em diversas funções, principalmente na missão de ajudar o pontífice na Igreja Católica em todo mundo”, finalizou o sacerdote.

http://cnbb.net.br/cardeal-sergio-da-rocha-sera-agraciado-com-medalha-do-merito-bom-samaritano/

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.