"Seja Bem vindo" - "Este é um espaço a serviço do Reino de Deus. Queremos fazer deste espaço um ponto de encontro com a Fé.” Encontros Catequéticos domingo, as 08h30. “Vida sim, aborto não!” "Este site usa cookies para ajudar a fornecer serviços. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies."

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Evangelho do dia – Pão da vida! - Mateus 18,21-19,1

Estamos na Semana Nacional da Família. Rezaste pela tua família?
“A espiritualidade cristã na família: um casamento que dá certo”!
Rezemos muito para que as famílias cresçam na capacidade de reconciliação.
 
Evangelho do dia – Pão da vida!
Quinta-feira, 13 de Agosto de 2015 – Faltam só mais 3 dias para celebrarmos os 200 anos de nascimento de São João Bosco. Vai ser uma festa mundial. Estamos em 132 países. Reza por nós!
Mateus 18,21-19,1
— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Mateus.— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 21 Pedro aproximou-se de Jesus e perguntou: “Senhor, quantas vezes devo perdoar, se meu irmão pecar contra mim? Até sete vezes?” 22 Jesus respondeu: “Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete. 23 Porque o Reino dos Céus é como um rei que resolveu acertar as contas com seus empregados. 24 Quando começou o acerto, trouxeram-lhe um que lhe devia uma enorme fortuna. 25 Como o empregado não tivesse com que pagar, o patrão mandou que fosse vendido como escravo, junto com a mulher e os filhos e tudo o que possuía, para que pagasse a dívida. 26 O empregado, porém, caiu aos pés do patrão, e, prostrado, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei tudo’. 27 Diante disso, o patrão teve compaixão, soltou o empregado e perdoou-lhe a dívida. 28 Ao sair dali, aquele empregado encontrou um dos seus companheiros que lhe devia apenas cem moedas. Ele o agarrou e começou a sufocá-lo, dizendo: ‘Paga o que me deves’. 29 O companheiro, caindo aos seus pés, suplicava: ‘Dá-me um prazo! e eu te pagarei’. 30 Mas o empregado não quis saber disso. Saiu e mandou jogá-lo na prisão, até que pagasse o que devia. 31 Vendo o que havia acontecido, os outros empregados ficaram muitos tristes, procuraram o patrão e lhe contaram tudo. 32 Então o patrão mandou chamá-lo e lhe disse: ‘Empregado perverso, eu te perdoei toda a tua dívida, porque tu me suplicaste. 33 Não devias tu também, ter compaixão do teu companheiro, como eu tive compaixão de ti?’ 34 O patrão indignou-se e mandou entregar aquele empregado aos torturadores, até que pagasse toda a sua dívida. 35 É assim que o meu Pai que está nos céus fará convosco, se cada um não perdoar de coração ao seu irmão”19,Ao terminar estes discursos, Jesus deixou a Galileia e veio para o território da Judeia além do Jordão. - Palavra da Salvação. - Glória a vós, Senhor.
 
Reflexão
Precisamos entender que perdoar vai muito além de um puro ato humano. Perdoar é uma atitude que tem sua origem e fonte no próprio coração misericordioso de Deus. É Ele, simplesmente, que nos ensina a perdoar sempre. Já que somos necessitados do perdão de Deus, como é que não vamos perdoar a quem nos ofendeu, se é Ele mesmo quem nos ensina esta atitude essencial do cristianismo? O coração humano é o lugar, simbolicamente falando, onde acontecem todas as escravidões ou libertações das dores e sofrimentos. Por não querermos perdoar acabamos por ficar anos e anos sofrendo de mágoas, ressentimentos, vingança. A atitude de perdoar nos liberta disso tudo, nos alivia, nos devolve a alegria de viver. Contudo, penso que estou dizendo isso para pessoas normais. Infelizmente, há quem não conseguem dar esse passo em direção ao perdão. Há quem consegue, inclusive, alimentar-se do ódio e da vingança. Temos que rezar muito pela libertação destas pessoas. Não podemos, ou melhor, não devemos colocar limites na tarefa de perdoar. Quem já fez pecados e experimentou o sabor da misericórdia divina é que compreende bem o que significa perdoar e acolher o perdão. Precisamos crescer na atitude interior de compaixão.
 
Oração
Senhor Jesus, fonte de misericórdia, toca profundamente o meu coração, tantas vezes insensível e sem predisposições para perdoar. Ajuda-me, Jesus, a crescer na atitude do perdão. Que eu possa perdoar sem limites a todos os que me ofenderam, como Tu, Jesus, me têm perdoado as minhas muitas e graves faltas. Não permitas que a minha capacidade de perdoar seja pautada por cálculos matemáticos. Dá-me a graça de aprender Contigo que o amor é mais forte que a vingança, a raiva, a intolerância. Libera, Jesus, a minha mente dos mecanismos que não me deixam esquecer as ofensas recebidas. Faze, Jesus, que eu ame mais e com mais qualidade. Somente assim serei grande para perdoar. Amém
 
Bênção
Deus te abençoe e te guarde. Amém.
- Ele te mostre a sua face e se compadeça de ti. Amém.
- Volte para ti o seu olhar e te dê a sua paz. Amém.
- Abençoe-te Deus misericordioso, Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.
-----------------------------------------------------
Desejo-te um dia de muito exercício de perdão.
Forte abraço.
Padre Renato dos Santos – SDB - No ano do Bicentenário do nascimento de São João Bosco - o Santo dos jovens.


Padre Renato dos Santos - SDB
Rua Padre Honorino João Muraro, 208
Vila Carli
CEP 85040-050 - Guarapuava - PR
-------------------------------------
Fones:
(42) 3624-2131 / 3624-23-18 / 3624-1422
(42) 9972 0615 ( TIM )
Facebook: Renato dos Santos III
Twitter: @SantosRenatodos
Linkedin: Padre Renato dos Santos
Skype:live:renatodossantos790
-------------------------------------
Lema Sacerdotal: "Ai de mim se não evangelizar". 1Cor. 9,16

"A catequese não prepara simplesmente para este ou aquele sacramento. O sacramento é uma consequência de uma adesão a proposta do Reino, vivida na Igreja (DNC 50)."

Documento Necessário para o Batismo e Crisma

Certidão de Nascimento ou Casamento do Batizando;

Comprovante de Casamento Civil e Religioso dos padrinhos;

Comprovante de Residência,

Cartões de encontro de Batismo dos padrinhos;

Documentos Necessários para Crisma:

RG do Crismando e Padrinho, Declaração de batismo do Crismando, Certidão ou declaração do Crisma do Padrinho, Certidão de Casamento Civil e Religioso do Padrinho/Madrinha e Crismando se casados.

Fonte: Catedral São Dimas

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Reflexão

REFLEXÃO

A porta larga que o mundo oferece para as pessoas é a busca da felicidade a partir do acúmulo de bens e de riquezas. A porta estreita é aquela dos que colocam somente em Deus a causa da própria felicidade e procuram encontrar em Deus o sentido para a sua vida. De fato, muitas pessoas falam de Deus e praticam atos religiosos, porém suas vidas são marcadas pelo interesse material, sendo que até mesmo a religião se torna um meio para o maior crescimento material, seja através da busca da projeção da própria pessoa através da instituição religiosa, seja por meio de orações que são muito mais petições relacionadas com o mundo da matéria do que um encontro pessoal com o Deus vivo e verdadeiro. Passar pela porta estreita significa assumir que Deus é o centro da nossa vida.

reflexão sobre o Dízimo

A espiritualidade do Dízimo

O dízimo carrega uma surpreendente alegria no contribuinte. Aqueles que se devotam a esta causa se sentem mais animados, confortados e motivados para viver a comunhão. O dízimo, certamente, não é uma questão de dinheiro contrariando o que muitos podem pensar. Ele só tem sentido quando nasce de uma proposta para se fazer a experiência de Deus na vida cristã. Somos chamados e convocados a este desafio.

Em caso contrario, ele se torna frio e distante; por vezes indiferente. A espiritualidade reequilibra os desafios que o dízimo carrega em si. "Honra o Senhor com tua riqueza. Com as primícias de teus rendimentos. Os teus celeiros se encherão de trigo. Teus lagares transbordarão de vinho" (Pr 3,9-10). Contribuir quando se tem de sobra, de certa forma, não é muito dispendioso e difícil. Participar da comunhão alinha o desafio do dízimo cristão.

Se desejar ler, aceno: Gn 28, 20-22; Lv 27, 30-32; Nm 18, 25-26 e Ml 3, 6-10.

Fonte : Pe. Jerônimo Gasques

http://www.portalnexo.com.br/Conteudo/?p=conteudo&CodConteudo=12

Programe-se

Catequese com Adultos/ Paróquia NSª do Rosário - todo domingo das 08h30 as 10h00 / "Vida Sim, Aborto não!"

" Encontros Catequéticos domingo, as 08h30."

*Catequese com Adultos/ Paróquia Nossa Senhora do Rosário - Vila Tesouro - São José dos Campos - SP. * "Vida sim, aborto não!

Este blog pode possuir foto (imagem) retirada da internet caso seja o autor, por favor, entre em contato para citarmos o credito.